sábado, 11 de outubro de 2008

♠~ Pés no chão, e os olhos nas estrelas~ ♠

Antes de qualquer coisa, quero deixar aqui registrado o meu protesto contra este site de blog, que como todos os outros fazem as alterações que julgam importantes ou necessárias, sem se importarem nem um pouco com a opinião dos usuários. Juro que se for obrigado a ficar com esse Layout por muito tempo, eu me mato! É revoltante isso!!!!
Mudando de assunto, gostaria de me desculpar pela ausência, por estar sempre prometendo coisas que não cumpro (sim, porque tava olhando meus post's antigos e, nossa, eu sou um puta inadimplente.)
Enfim, meus queridos, depois de passar 30min. procurando uma imagem decente pra por antes da poesia abaixo, fui vencido pela falta de imagens que preste. Se alguém puder me indicar um site bom com imagens legais, ta valendo! Fora que a poesia também nem vai combinar com esse lay berrante e feio.
----------------------------------------------------------

-Amar a distância-

Eu até tentei fingir
Mas os meus olhos não sabem mentir
E a minha boca sempre acoberta os meus desejos
Adianta alguma coisa dizer que não me rendo?
Se os meus braços sempre correm pro teu corpo
E o meu corpo te pede
Minhas mãos te pedem
Mas amar a distância não dá
Eu preciso te ver - Te tocar
Pra saciar meus desejos - Meus instintos
E quiçá morrer, afogado em teus beijos
Eu me entrego por inteiro
Mas onde está você, meu desejo?



----------------------------------------------------------

Inté... *Revoltado*

2 comentários:

Mahzinha disse...

o-o'
Parente poeta, fiquei com saudade dos seus poemas ultimamente ;-;

.moony. disse...

nada mal, jovem parente-san...
xD
sério, eu nunca conseguiria escrever uma poesia decente, nem se minha vida dependesse disso xD~
ainda passarei nos outros posts seus... agora tenho que ir...
bju
teh +
.moony.